Publicidade

Publicidade
25/11/2009 - 06:53

VEJA A PROGRAMAÇÃO DA SEMANA DE ESTREIA DA SP ESCOLA DE TEATRO

Compartilhe: Twitter

Entrada gratuita

 

 

SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco

Sede Provisória: Avenida Rangel Pestana, 2.401 – Brás, São Paulo SP

T 11 2292-7988 – 2292-8143

info@spescoladeteatro.org.br

www.spescoladeteatro.org.br

Quinta-Feira, 26 de novembro

 

16h – Conferência sobre Cenografia: O coordenador do curso de Cenografia e Figurino da SP Escola de Teatro, J.C. Serroni, apresenta conferência com José Dias*.

*José Dias – Cenógrafo atuante no teatro e na televisão. Mestre e Doutor pela Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo (ECA–USP). Nos palcos, colabora com Aderbal Freire Filho, Moacyr Góes, Bibi Ferreira, Antônio Mercado, entre outros diretores. Algumas de suas mais marcantes criações são Campeões do Mundo (1980), de Dias Gomes, O Preço (1988), de Arthur Miller, e A Trágica História do Dr. Fausto (1989), de Christopher Marlowe.

17h30 Cia. Brasileira de Teatro e o ator Luis Melo apresentam montagens: A Cia. Brasileira de Teatro apresenta work in progress do espetáculo Descartes com Lentes, texto do escritor e poeta curitibano Paulo Leminski. O espetáculo ainda está em construção e o público vai acompanhar o processo de montagem da peça. Em seguida,  o diretor Marcio Abreu e o ator Luis Melo apresentam leitura dramática do texto Um Calcanhar Avariado e outras Histórias, de Manoel Carlos Karam.

19h – Conferência sobre Humor: O coordenador do curso de Humor da SP Escola de Teatro, Raul Barretto, apresenta conferência com Jorge Rodrigues Loredo*.

*Jorge Rodrigues Loredo Ator e humorista, Loredo, também advogado, é mais conhecido por sua personagem “Zé Bonitinho”. Do tipo galanteador, a personagem tem sua história contada no documentário Câmera, Close!, de Susanna Lira. “Zé Bonitinho” surge na década de 60 e continua aparecendo em programas como A Praça é Nossa, do SBT, o que demonstra a capacidade do artista em perpetuar a mesma figura em diferentes gerações. Jorge Loredo integra o elenco de filmes como Chega de Saudades, lançado em 2008 e Quando o Tempo Cair, de 2006.


Sexta-Feira, 27 de novembro

 

16h – Conferência sobre Direção Teatral: O coordenador do curso de Direção da SP Escola de Teatro, Hugo Possolo, apresenta conferência com o ator e diretor Emílio Di Biasi*.

*Emílio Di Biasi – Paulistano, figura de destaque no cenário teatral brasileiro, Emílio é referência tanto em interpretação quanto em direção, de teatro ou televisão. Nos anos de 1960, ao lado de Abujamra e Antônio Ghigonetto, funda o Grupo Decisão. Na década de 1980, dirige as marcantes montagens A Vida de Carlos e Carlos (1987) e ppp@WllmShkspr.br (1988), com Os Parlapatões. Esta última lhe rende prêmio de melhor direção da Associação dos Produtores de Espetáculos Teatrais do Estado de São Paulo (Apetesp) naquele ano.

17h30 – Apresentação de Eduardo Okamoto. O ator fará uma demonstração de trabalho baseada no espetáculo Agora e Na Hora de Nossa Hora, que conta a história de Pedrinha, uma sobrevivente da Chacina da Candelária que viu morrer oito meninos de rua. Os métodos de criação da peça são descritos pelo ator em torno de três pilares fundamentais: preparação corporal, observação de pessoas como base para a criação da personagem e criação dramatúrgica.

19h – Conferência sobre Técnicas de Palco: O coordenador do curso de Técnicas de Palco da SP Escola de Teatro, J.C. Serroni, apresenta conferência com Raul Belém Machado*.

*Raul Belém Machado – Cenógrafo, figurinista e arquiteto, o mineiro Raul Belém Machado é um dos mais importantes profissionais de sua área no Brasil. Atualmente ocupa o cargo de diretor artístico do Palácio das Artes da Fundação Clóvis Salgado, em Belo Horizonte, MG, onde participa ativamente de montagens de óperas, balés e peças teatrais. Também trabalha com educação, onde coordena núcleos de ensino das artes cênicas dentro e fora da Fundação Clóvis Salgado.


Sábado, 28 de novembro

 

16h – Conferência sobre Sonoplastia: O coordenador do curso de Sonoplastia da SP Escola de Teatro, Raul Teixeira, apresenta conferência com Tunica Teixeira*.

*Tunica Teixeira – Nasce em Santos, litoral paulista e, ainda jovem, faz uma escolha em favor do teatro que muda a sua vida. Em 1971, abandona a Faculdade de Rádio e TV para se dedicar à sonoplastia de peças teatrais. No mesmo ano, estreia nos palcos na montagem de Corpo a Corpo, de Oduvaldo Viana Filho, e direção de Antunes Filho. Desde então, assina trilhas para os mais importantes espetáculos e colabora com os principais grupos teatrais de São Paulo, sendo reconhecida com diversos prêmios Shell e Associação dos Produtores de Espetáculos Teatrais do Estado de São Paulo (Apetesp).

17h30 – Apresentação de Jan Ferslev, do grupo Odin Teatret: Demonstração de trabalho do irrequieto músico e ator dinamarquês Jan Ferslev, do grupo Odin Teatret. A companhia, na qual está há mais de 20 anos, foi fundada por Eugenio Barba, na Noruega. Numa mistura de teatro, música e dança, Jan revela as nuances dos espetáculos produzidos por seu grupo, que mostra as diferenças e semelhanças entre dançarinos, atores e músicos. Revela, assim, a disciplina para desenvolver o controle do corpo e da voz como pontos de partida para a criação de partituras físicas e vocais.

19h – Conferência sobre Dramaturgia: A coordenadora do Curso de Dramaturgia da SP Escola de Teatro, Marici Salomão, apresenta conferência com Luís Alberto de Abreu*.

*Luís Alberto de Abreu – Poucos nomes na dramaturgia brasileira conseguem fazer tão bem a ligação entre o popular e o erudito como Luís Alberto de Abreu. Nascido em São Bernardo do Campo, Grande São Paulo, Luís transita com desenvoltura por vários campos do fazer teatral, sendo grande entusiasta do processo colaborativo da escrita. Trabalha com Antunes Filho, no CPT (Centro de Pesquisa Teatral), com Antônio Araújo, do Teatro da Vertigem e com Gabriel Villela, entre outros. Fundador da Fraternal Companhia de Arte e Malas-Artes ao lado de Ednaldo Freire, o dramaturgo desenvolve sólido trabalho de comédias populares com a companhia.


Domingo, 29 de novembro

 

14h – Conferência sobre Atuação: O coordenador do curso de Atuação da SP Escola de Teatro, Rodolfo García Vázquez, apresenta conferência com a atriz Denise Fraga*.

*Denise Fraga – Apesar de ter nascido no Rio de Janeiro, Denise Fraga mora em São Paulo há mais de duas décadas. Com formação teatral e experiência de mais de 20 anos nos palcos, é fundadora, ao lado de Moacir Chaves, do Grupo Cite-Teatro, que levava escolas públicas e particulares do Rio de Janeiro montagens com textos dos principais comediantes brasileiros do século XIX, como Martins Pena e França Junior. Como atriz, interpretou, durante seis anos, a empregada doméstica “Olímpia”, em Trair e Coçar é Só Começar, um dos maiores sucessos teatrais brasileiros de todos os tempos.

17h30 – Apresentação do espetáculo Medea Del Olimar: Obra de Mariana Percovich, da Cia. Complot, do Uruguai. Espetáculo baseado em fato real sobre uma mãe que mata a filha, no interior do Uruguai. O fato é apresentado como metáfora que transcende a crônica policial. A dramaturga e diretora opta por escrever para uma só atriz, valorizando a multiplicidade de vozes dentro do monólogo. O espetáculo é interpretado por Bertha Moreno.

19h – Conferência sobre Iluminação: O coordenador do curso de Iluminação da SP Escola de Teatro, Guilherme Bonfanti, apresenta conferência com Roberto Gil Camargo*.

*Roberto Gil Camargo Diretor e iluminador, com experiência em teatro e dança. É autor de quatro livros sobre sonoplastia e iluminação. Além disso, publica artigos sobre luz  no Brasil e no exterior. Defendeu tese de doutorado em Iluminação, na PUC-SP, sob orientação da professora e crítica Helena Katz. Leciona Iluminação no curso de graduação em Teatro na Universidade de Sorocaba e atua como professor convidado de Lighting Design no Instituto Politécnico do Porto, Portugal, desde 2004.
Exposições

(Abertura – 26 de novembro)

 

 

Espaços Teatrais: A Evolução da Arquitetura Cênica na História e a sua Interação com o Som e a LuzA exposição de J.C. Serroni, realizada numa parceria do Espaço Cenográfico com a SP Escola de Teatro, revela a evolução do espaço cênico através dos tempos, da Grécia aos nossos dias. A montagem é acompanhada de um desenho de luz que dá ao espaço da exposição uma atmosfera evidentemente teatral. A mostra pode ser caracterizada como a primeira produção da SP Escola de Teatro  já que é realizada por um dos seus coordenadores, e demonstra a preocupação pelo ensino técnico que a Escola oferece.

 

Fotografia de Palco – Nos últimos 25 anos, as lentes da fotógrafa Lenise Pinheiro captam flagrantes dos mais importantes espetáculos de teatro no País. A editora Senac São Paulo e as Edições SESC SP reúnem estes registros no livro Fotografia de Palco 25 anos, utilizado como suporte desta exposição.  A mostra é um recorte histórico que revela a memória do teatro nacional. Mais do que um registro, é um trabalho artístico captado com perícia e sensibilidade pela fotógrafa.

 

Instante Eterno O fotógrafo paulistano Bob Sousa, que também captura imagens de palco, apresentará parte de seu acervo nesta exposição realizada dentro da programação de lançamento da SP Escola de Teatro. O artista registra, há cinco anos, grande parte das recentes montagens na capital paulista. Entre elas, peças como Os Sertões – A Luta I, Confissões das Mulheres de 30 e A Filosofia na Alcova.

 

Perpetuar o Efêmero – Adalberto Lima fotografa para documentar, lembrar e perpetuar o efêmero das apresentações do teatro de grupo. O sentido da continuidade das pesquisas e aprofundamento do fazer teatral que esses grupos desenvolvem são questões que atraem o fotógrafo. Alguns pontos comuns entre os diversos grupos, mesmos que sutis, poderão ser observados nas fotos que compõem esta mostra.

 

 

 

Entrada gratuita

 

 

SP Escola de Teatro – Centro de Formação das Artes do Palco

Sede Provisória: Avenida Rangel Pestana, 2.401 – Brás, São Paulo SP

T 11 2292-7988 – 2292-8143

info@spescoladeteatro.org.br

www.spescoladeteatro.org.br

Autor: - Categoria(s): Matérias Tags: , , , ,

Ver todas as notas

2 comentários para “VEJA A PROGRAMAÇÃO DA SEMANA DE ESTREIA DA SP ESCOLA DE TEATRO

  1. […]  CLIQUE AQUI para conferir a programação das conferências. Autor: michelfernandes – Categoria(s): Matérias Tags: artístico, cabral, de, diretor, ESCOLA, estado, governo, ivam, josé, paulo, são, serra, SP, teatro […]

  2. […]  CLIQUE AQUI para conferir a programação das conferências. […]

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo