Publicidade

Publicidade
10/12/2009 - 16:39

Farsa faz duas apresentações em Porto Alegre

Compartilhe: Twitter

Luís Francisco Wasilewski, especial para o Aplauso Brasil (lfw@aplausobrasil.com)

Marcos Breda, Mario Borges e Claudia Ohana em "O Médico Saltador" (de Molière), uma  das quatro peças  do espetáculo "Farsa". Direção: Luiz Arthur Nunes; 2007

Marcos Breda, Mario Borges e Claudia Ohana em "O Médico Saltador" (de Molière), uma das quatro peças do espetáculo "Farsa". Direção: Luiz Arthur Nunes; 2007

 

O espetáculo Farsa estreou nacionalmente em Porto Alegre, em agosto de 2007. Desde então, teve uma trajetória de êxito, em mais de 150 apresentações, tendo sido assistido por mais de 50 mil espectadores. Agora o espetáculo retorna ao seu palco de estreia, o Theatro São Pedro onde Farsa realizará duas apresentações nos dias 18 e 19 de dezembro. Pelo elenco do espetáculo já passaram nomes como Luciana Braga, Bianca Byington, Sérgio Marone e Fernanda Souza. Do elenco original ainda estão Marcos Breda, Mario Borges e Claudia Ohana. Ao lado deles, estão os nomes de Gabriel Wainer, Iris Bustamante, Carmen Frenzel e Cadu Fávero. O elenco se reveza na criação das 22 personagens que estão na encenação. A direção do espetáculo é assinada pelo talentoso Luís Artur Nunes.

A estrutura dramatúrgica de Farsa é calcada na reunião de quatro obras primas da comédia ocidental. Miguel de Cervantes é o autor de Os Faladores, um dos textos encenados no espetáculo. Os outros são: O Urso, de Anton Tchekhov, O Médico Saltador, de Molière, e Os Ciúmes de um Pedestre, do brasileiro Martins Pena. A colagem de clássicos da nossa dramaturgia é uma característica estética a marcante na obra de Luís Artur. Ele já realizou encenações memoráveis na história do teatro gaúcho, utilizando-se desse recurso. São dignas de nota encenações como Love, Love, Love e A mãe da miss e o pai do punk.

019_farsa_fb Farsa é o terceiro da série de cinco espetáculos envolvido no projeto de pesquisa e encenação, em um período de dez anos, de diferentes vertentes da dramaturgia cômica universal. Esse projeto vem sendo desenvolvido pelo ator Marcos Breda em parceria com a CARAVANA Produções Culturais, com a colaboração de Luís Artur Nunes. Antes dele, subiram à cena o clássico da commedia dell’arte Arlequim Servidor de Dois Patrões, de 2002, que permaneceu dois anos em repertório, e o melodrama A Maldição do Vale Negro, de 2004.

Farsa recebeu diversos prêmios. No Prêmio Qualidade Brasil foi o ganhador nas seguintes categorias: Melhor Espetáculo Teatral Comédia, Melhor Atriz Teatral Comédia (Bianca Byington e Cláudia Ohana), Melhor Ator Teatral Comédia (Mario Borges), Melhor Diretor Teatral Comédia (Luís Artur Nunes). Prêmio APTR recebeu nas categorias: Melhor Figurino (Coca Serpa), Melhor Ator Coadjuvante (Mario Borges), Melhor Atriz Coadjuvante (Luciana Braga). No Prêmio Contigo! de Teatro – foi o vencedor na categoria: Melhor Espetáculo Comédia. Além disso, o espetáculo representou o Brasil ano passado no XXX Festival Internacional de Teatro de Manizales (Colômbia) e na edição de Bogotá do II Festival VivAmérica.

FARSA

Direção: Luís Artur Nunes

Elenco: Marcos Breda, Mario Borges, Claudia Ohana, Gabriel Wainer, Iris Bustamante, Carmen Frenzel e Cadu Fávero

Cenografia: Hélio Eichbauer

Figurinos: Coca Serpa

Iluminação: Paulo César Medeiros

Música: Alexandre Elias

Visagismo: Rose Verçosa

Produção Executiva: Lucia Regina de Souza

Direção de Produção: Maria Helena Alvarez

Theatro São Pedro

Dias 18 e 19 de dezembro, 21h

Preços:

Plateia R$ 50,00

Camarote central e cadeiras extras R$ 40,00

Camarote lateral R$ 30,00

Galerias R$ 10,00

Estudantes têm 10% desconto

Censura livre

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Críticas Tags: , , , , , , , , , ,

Ver todas as notas

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo