Publicidade

Publicidade
19/02/2010 - 23:05

A Arte de Escutar em Porto Alegre

Compartilhe: Twitter

Luís Francisco Wasilewski, especial para o Aplauso Brasil (lfw@aplausobrasil.com)

A peça estará dias 5, 6 e 7 de março no Theatro São Pedro

A peça estará dias 5, 6 e 7 de março no Theatro São Pedro

“… Escutar é mais que ouvir. É mais do que estar parada em frente a alguém dividindo o mesmo metro quadrado. Escuta-se por todas as células do corpo. Escuta-se com as mãos, com os olhos, com a respiração, escuta-se inclusive com os ouvidos… Uma postura escuta, um gesto escuta, a boca escuta. Há que se deixar apagar e se concentrar no outro. Há também que se eliminar quaisquer ruídos de interferência – como pensamentos que voam, telefones que tocam, vaidades que afloram, vontades de ir ao banheiro… Muitos dizem que a fala distingue o ser humano dos outros animais. Discordo. Saber escutar é o que nos dá humanidade.”

Um dos mais elogiados espetáculos cariocas dos últimos anos fará uma curta temporada em Porto Alegre, abrindo a programação teatral do Theatro São Pedro, nos próximos dias 5, 6 e 7 de Março. Falo de A arte de escutar que tem recebido diversos elogios da crítica e foi indicado aos prêmios Shell, APTR e Contigo de melhor texto dramático. Antes de Porto Alegre, o espetáculo se apresenta na Sala Martins Pena do Teatro Nacional nos dias 26, 27 e 28 de Fevereiro. Esta pequena turnê de A Arte de Escutar foi possível graças ao patrocínio da Petrobrás.

A peça mostra a história de uma “protagonista coadjuvante”, uma personagem dotada de um talento bastante peculiar e incomum nos dias de hoje. Por razões que a própria razão desconhece, esteja onde estiver, em qualquer lugar, hora ou situação, a “protagonista coadjuvante” atrai, involuntariamente, pessoas – conhecidas ou desconhecidas – e provoca curiosos efeitos colaterais. Todos reagem da mesma forma diante de sua presença: sentem uma coisa, um troço, uma comichão na língua, uma coceira na alma – sensações seguidas, imediatamente, de uma vontade incontrolável de contar suas histórias.

As reflexões da protagonista sobre o que é a arte de escutar e as revelações sobre a complexidade do ser humano vêm à tona em relatos de saborosos encontros onde ela escutou as aventuras e desventuras de seus semelhantes: uma senhora “sobrevivente” de Woodstock na fila de um banco; as confidências sombrias de um tio e uma tia numa noite de Natal; as peripécias sexuais de uma mulher numa academia de ginástica e a história de um homem atormentado no Metrô servem de fio condutor para o texto.

a arte de escutar 1 (1)Escrita por Carla Faour e dirigida por Henrique Tavares, a peça é mais uma produção desta dupla de artistas que tem a qualidade de seu trabalho reconhecida pelo público e pela crítica especializada. A força do destino, adaptação do livro de Nélida Piñon (considerado um dos dez melhores espetáculos do ano pelo jornal O Globo, em 2006), Cidade Vampira (em parceria com Fausto Fawcett), Telecatch (indicado ao Prêmio Shell – categoria especial) e Bárbara não lhe adora (que ficou sete anos em cartaz), estão no rol dos bem sucedidos trabalhos da dupla. O texto de A arte de escutar foi editado pela Agir, no ano passado.

No elenco de A Arte de Escutar um dos destaques é a presença de Thaís Portinho. A atriz foi uma das grandes agitadoras do Teatro Besteirol no Rio de Janeiro, na década de 80, do século 20, levando ao palco dramaturgos como Vicente Pereira, Mauro Rasi e Miguel Falabella que na época, começavam a escrever para teatro.

Ficha técnica

Texto – Carla Faour

Direção – Henrique Tavares

Cenografia – José Dias

Iluminação – Aurélio de Simoni

Figurino – Clara Rocha

Elenco – Carla Faour, Charles Paraventi, Flávia Fafiães, Isaac Bardavid, Juliana Guimarães, Thaís Portinho

Duração: 70 minutos

Classificação etária: 14 anos

Serviço:

Ingressos:

Plateia: R$ 50,00

Camarote central e cadeiras extras: R$ 30,00

Camarote Lateral: R$ 20,00

Galerias: R$ 10,00

50% de desconto para Cartão Petrobras

50% de desconto na estreia para Associação Amigos do Theatro São Pedro

A venda nas bilheterias do Theatro São Pedro.

Informações pelo telefone (51) 3227.5300

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Matérias Tags: , , , , ,

Ver todas as notas

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo