Publicidade

Publicidade

Arquivo de abril 18th, 2011

18/04/2011 - 14:19

Ritual de Pina Bausch na Temporada de Dança 2011 do Teatro Alfa

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil (Michel@aplausobrasil.com)

Regina Advento em cena de "Água"

Escrever sobre as repetições de ações e movimentos, muitos deles circulares explodindo a cada performance dos bailarinos, a elegância dos figurinos criados por Marion Cito, a justeza sóbria da cenografia de Peter Pabst não são necessariamente novidades na linguagem dos espetáculos que Pina Bausch deixou em seus quase 40 anos como coreógrafa (seu primeiro trabalho assinado, Fritz, é de 1973), entretanto em Ten Chi (espetáculo de 2004, em co-produção com Saitama, cidade ao sul do Japão) se torna evidente a dimensão ritualística das cenas da peça.

Regina Advento, bailarina brasileira que está, há anos, na Pina Bausch Wuppertal Tanztheater, integrante do elenco de Ten Chi, conta que visitou locais como uma fábrica de fazer biscoito japonês, pessoas que confeccionavam bonecas em casa,fábrica de macarrão japonês e saquê, e que “tudo isso é feito à mão, faz parte de um ritual. Mesmo com toda a tecnologia disponível a estrutura tradicional da família é importante, inclusive, como parte da economia daquele povo e isso, para mim, é símbolo de ritual”.

Ainda como parte da pesquisa para a composição do espetáculo, a trupe viajou de Saitama para uma ilha, também ao sul do Japão, onde havia uma festa popular de rua, ali, Regina livrou-se da imagem estereotipada de que o japonês é um indivíduo hermético, extremamente reservado. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Artigos, Resenhas e Crônicas, Dança, Música e Cinema Tags: , , ,
Voltar ao topo