Publicidade

Publicidade

Arquivo de junho 19th, 2011

19/06/2011 - 22:20

As muitas faces de um só ator

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, crítica publicada no Diário de São Paulo dia 18 de junho de 2011 (Michel@aplausobrasil.com)

Edwin Luisi em "Eu Sou Minha Própria Mulher"

Em seu último solo no teatro, Eu Sou Minha Própria Mulher, de Douglas Wright, dirigida por Herson Capri e Susana Garcia, o ator Edwin Luisi deu vida a mais de duas dezenas de personagens – todos marcados por uma característica gestual e vocal que diferenciava cada um dos papéis – para dar vida à Charlotte von Mahlsdorf, uma alemã que nasceu homem, mas que resolveu travestir-se seguindo sua verdadeira orientação sexual. A personagem realmente existiu e sobreviveu numa Alemanha marcada pelas perseguições do nazismo e do regime comunista aos gays.

Edwin compôs cada um dos personagens com tamanho talento e habilidade que o resultado não poderia ser outro: ele ganhou todos os prêmios de Melhor Ator do Rio de Janeiro. O ator promete trazer o espetáculo em 2012 para São Paulo.

TANGO, BOLERO e CHA CHA CHA

TEATRO SHOPPING FREI CANECA (600 lugares)

Rua Frei Caneca, 569 – 6º andar – Consolação

Informações: (11) 3472-2229/ 2230

Bilheteria: Terça a domingo, das 13h às 19h. Em dias de espetáculo, até o início da apresentação.

Aceita os cartões de crédito Visa, Mastercard, Dinners e Amex. Débito: Redeshop e Visa Electron

Vendas pela internet: www.ingressorapido.com.br

Vendas pelo telefone: 4003.1212

www.tangoboleroechachacha.com.br | Twitter: @TangoBoleroCha

Autor: - Categoria(s): Críticas Tags:
19/06/2011 - 22:05

Edwin Luisi celebra 40 anos de carreira revivendo Lana Lee

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, crítica publicada no Diário de São Paulo dia 18 de junho de 2011 (Michel@aplausobrasil.com)

Comédia é dirigida por Bibi FerreiraUma década depois de estrondoso sucesso com a comédia Tango, BmEloy Araújo, sob direção assertiva de Bibi Ferreira – veterana diretora de comédias bem-sucedidas como Procura-se um Tenor e Qualquer Gato Vira-lata Tem Uma Vida Sexual Mais Sadia Que a Nossa –, o ator Edwin Luisi volta à cena com a hilária transexual Lana Lee para celebrar 40 anos de uma pródiga carreira seja na televisão (quem se esquecerá de sua personagem em A Escrava Isaura?) ou no teatro (Amadeus, Com a Pulga Atrás da Orelha, Eu Sou Minha Própria Mulher, entre outros).

Em cartaz até 26 de junho no Teatro do Shopping Frei Caneca, a peça gira em torno de uma família em que Daniel, o pai (Edwin Luisi), após abandonar seu lar por mais de dez anos, envia uma carta a sua ex-esposa, Clarice, dizendo que fará uma visita a ela e a a seu filho, o agora adolescente, Denis (Johnny Massaro) que só conhece o pai por foto. Os dois reagem revoltosamente ao aviso da visita surpresa, mas Clarice não consegue esconder que, mesmo depois de uma década e do abandono, sua paixão por Daniel.

Eis que, na data marcada para a visita, toca a campainha e uma mulher espalhafatosa e à beira de um ataque de nervos é atendida por Denis que, depois de cantá-la, finge ser um motoboy e sai.

A mulher à espera é Lana Lee (Edwin Luisi) que, antes de submeter-se a uma cirurgia de mudança de sexo, foi Daniel. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Críticas Tags:
Voltar ao topo