Publicidade

Publicidade
19/08/2011 - 21:31

Direção do Lage? Sempre é bom assistir

Compartilhe: Twitter

Maria Lúcia Candeias, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

"O Espartilho" - crédito Tika Tiritilli

SÃO PAULO – Com direção de Roberto Lage (prêmios: Molière, APCA e APETESP) está em cartaz Espartilho que merece ser visto porque é obra de dois profissionais super competentes: dele e de José Antônio de Souza, autor de muitas peças, sendo a mais famosa, Cantos Peregrinos.

O texto é interessante porque foca um encontro de casal em plenos anos 1950, (época em que a virgindade era a virtude obrigatória) com um romantismo e delicadeza, dificilmente encontrados nos dias de hoje. Mas não se pense que por isso a forma seja antiquada, a peça é tão aberta que pode ser realista, fantasia da personagem feminina ou da masculina.

O casal de atores – Dani Mustafci e Fábio Ock – está arrasando e consegue envolver totalmente a platéia.  Além de todas essas qualidades, a trilha sonora de Aline Meyer traz raridades cantadas por Elvis Presley, a preparação de atores leva a assinatura de Renata Zhaneta , Wagner Freire comanda a luz, Heron Medeiros o cenário e Luciano Ferrari os trajes.

Por essas e outras é melhor reservar logo o ingresso, porque eles estão em cartaz no Espaço Parlapatões, aos sábados (21h) e domingos (20h), que não é tão grande assim. É imperdível.

EspartilhoTexto: José Antônio de Souza. Direção: Roberto Lage. Elenco: Dani Mustafci e Fábio Ock. Cenário: Heron Medeiros. Figurinos: Luciano Ferrari. Assistente de figurino: Elen Zamith. Costureira: Maria de Lourdes Oliveira. Iluminação: Wagner Freire. Trilha Sonora: Aline Meyer. Fotografia: Tika Tiritilli. Preparação gestual e de ator: Renata Zhaneta. Coreografia do Tango: Junior Abreu.Preparação Vocal: Frederico Santiago. Visagismo: Gleiber (Gleiber Hair) e Ana Luiza Icó.Operação de som e luz: Rafael Burgath. Direção de Cena: Alexandre Torres. Designer Gráfico: Maurício Tramonti. Apoio Logística: Leonardo Cássio e Thais Polimeni (Cult Cultura).Assistente de Produção: Silvia Lana. Produtores Associados: Dani Mustafci, Elza Costa, Edinho Rodrigues. Direção de Produção: Brancalyone Produções Artísticas (Edinho Rodrigues e Elza Costa). Censura: 12 anos. Duração: 75 minutos.

Ingressos: R$ 30,00 (inteira). Sábado, 21h e domingo, 20h. Até 4 de setembroEspaço Parlapatões – Pça Roosevelt, 158 – Centro. Fone: 3258-4449. Bilheteria: das 16h às 22 horas. Capacidade: 96 lugares.

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Críticas Tags:

Ver todas as notas

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo