Publicidade

Publicidade

Arquivo de agosto 26th, 2011

26/08/2011 - 19:00

Confira galeria de fotos de Sangue Seco

Compartilhe: Twitter

"Sangue Seco" - credito Everson Basili

[slideshow id=43]

SANGUE SECO – Estreia dia 19 de agosto de 2011, sexta-feira, às 20h. Com a Cia. Monalisa de Teatro. Direção: Everson Basili. Texto: Neusa Steiner. Com Léia Rapozo. Músico: Santiago Steiner. Gênero: drama. Sinopse: Mulher fascinada pela figura da noiva e que, durante anos, cultivou o hábito de assistir a casamentos desconhecidos, revive momentos marcantes de sua história. A música estabelece uma relação misteriosa com esta personagem, que reflete sobre a vida e o amor. Duração: 50 minutos. Recomendação: 12 anos. Ingressos: R$ 10 (Estudantes, maiores de 60 anos, professores da rede pública e moradores do bairro têm 50% de desconto. Gratuito para a classe teatral). Sexta e sábado, às 20h. Domingo, às 19h. Até 11 de setembro.

TEATRO ZANONI FERRITE – Av. Renata, 163 – Chácara Belenzinho – Leste – Tel: 2216 – 1520. Capacidade 204 lugares. Bilheteria funciona de terça a domingo das 14h às 19h30; em dias de espetáculos funciona até 20 min após o início da sessão. Vendas pelo telefone: 4003-2050 (Ingresso Rápido) ou pelo site www.ingressorapido.com.br.
Acesso para deficientes. Ar condicionado. Não possui estacionamento.

Autor: - Categoria(s): GALERIA DE FOTOS Tags:
26/08/2011 - 18:06

Pierre Baitelli traz Hedwig e o Centímetro Enfurecido a SP

Compartilhe: Twitter

Luís Francisco Wasilewski, especial para o Aplauso Brasil (lfw@aplausobrasil.com)

Pierre Baitelli é Hedwig

Protagonizado pelo excelente Pierre Baitelli e dirigido por Evandro Mesquita, Hedwig e o Centímetro Enfurecido é um rock-musical, que conta a história de Hedwig, vocalista e líder da banda O Centímetro Enfurecido. A temporada paulistana começa às 21h30 de hoje, no Teatro Nair Bello (3º andar do Shopping Frei Caneca).

A peça conta a história da ‘internacionalmente ignorada estilista musical’, Hedwig Schmidt, uma deusa do rock’n’roll da antiga Berlim Oriental, que incidentalmente também é a vítima de um erro médico durante sua operação de troca de sexo, que a deixou com o tal“centímetro enfurecido” citado no título da peça. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Matérias Tags:
26/08/2011 - 17:06

Cia. do Feijão apresenta seu Enxurro de graça

Compartilhe: Twitter

Redação do Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

"Enxurro" - foto de José Romero

A dimensão utópica faz parte da linha de frente da pesquisa temática escolhida pela Companhia do Feijão que, a partir de hoje, apresenta o espetáculo Enxurro, de graça, às 21h, na sede da companhia.

Enxurro é uma rapsódia cênica criada a partir de estímulos literários, cênicos e musicais de diversos autores e épocas, em torno de temas relacionados ao momento de transição civilizatória por que passamos.

Numa corrente caleidoscópica, entrecruzam-se de maneira simbólica: anomalias, assombros, cumplicidade, devastação, encontros, espelhos, inspirações, mentiras, poder, radicalismo, reação, reconstruções, reencontros, resistência e horizontes. Esboços de um vir-a-ser.

A pesquisa

A pesquisa da Companhia do Feijão sobre o grande tema da Utopia se desdobra e multiplica desde 2006:

Numa primeira fase, tratando desse tema sem saber ao certo se era dele que falávamos, surgiu Pálido Colosso (2007), onde buscamos retratar os últimos 50 anos da história do Brasil, nos deparando ao final com o encurralamento do presente. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Matérias Tags: , , , , , ,
Voltar ao topo