Publicidade

Publicidade

Arquivo de março 12th, 2012

12/03/2012 - 19:59

Começa hoje o V Festival Ibero-Americano

Compartilhe: Twitter

Companhia portuguesa apresenta "Punhado de Terra"

SÃO PAULO – O V Festival Ibero-Americano será aberto com uma cerimônia onde será homenageada a atriz Cleide Yaconis, um dos maiores ícones do teatro brasileiro. Em seguida, haverá a apresentação de Luis Antonio – Gabriela, de Nelson Baskerville, que recebeu o Prêmio APCA de melhor espetáculo de 2011, indicação para melhor espetáculo no Prêmio Bravo, cinco indicações ao Prêmio Shell e três indicações ao Prêmio Cooperativa Paulista de Teatro.

A Fundação Memorial da América Latina realiza o V Festival Ibero-Americano de Teatro de São Paulo de 12 a 18 de março. Serão apresentadas 18 montagens teatrais provenientes de sete países, sendo que onze delas são do Brasil, duas do Uruguai e as outras cinco dividem-se entre Espanha, Paraguai, Argentina, México e Portugal.

CLIQUE AQUI para ver a programação.

Também estão programadas três mesas de debates coordenadas pela atriz, diretora e presidente da Associação dos Produtores de Espetáculos Teatrais do Estado de São Paulo (Apetesp), Analy Alvarez. Ela traz como convidados os professores Chico de Assis e Ewerton de Castro, além do diretor Nelson Baskerville, para discutir “a arte de escrever para o teatro”, “a diferença entre atuar e interpretar” e “os desafios do encenador”.

Autor: - Categoria(s): Notas e Oportunidades Tags: , , , , , , , , , , ,
12/03/2012 - 19:21

Reynaldo Gianecchini volta em Cruel

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil/ iG (michel@aplausobrasil.com)

Reynaldo Gianecchini e Maria Manoella em "Cruel"

SÃO PAULO – Há pouco menos de um ano, o ator Reynaldo Gianecchini dividia a cena com a atriz Maria Manoella e o ator Erik Marmo na adaptação de Os Credores, de August Strindberg, que, sob direção e adaptação de Elias Andreato, inaugurou um horário alternativo no Teatro Faap com a peça rebatizada como Cruel. E nos bastidores de uma das sessões da peça que, sentindo fortes dores, Gianecchine procurou o médico e, após uma bateria de exames, recebeu o diagnóstico que o tirou do palco e das telas. Após cumprir a peregrinação do tratamento do linfoma, que acompanhamos pelo noticiário, ele volta de onde interrompeu sua trajetória artística: amanhã, 21h, re-inicia a temporada de Cruel.

Reynaldo Gianecchini. Maria Manoella e Erik Marmo em "Cruel"

Um triângulo nada convencional marca a trama da peça que traz os atores Erik Marmo como Adolfo, atual marido de Tekla, interpretada por Maria Manoella, os dois dividem a cena com Gianecchini, que dá vida à Gustavo, ex-marido de Tekla.

O dramaturgo sueco coloca em cena Tekla, uma escritora, casada com Adolfo, artista plástico, que decidem passar uma temporada numa ilha. Lá está Gustavo (Gianecchini), ex-marido de Tekla, que ocultando sua identidade para Adolfo, começa um jogo de crueldade para vingar-se destruindo o casal.

Para Gianecchini, sua busca como intérprete é o desafio. “Não sou acomodado, vivo em eterna busca, sempre quero dar um  novo passo”. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Matérias Tags: , , , , , , , , , , , , , ,
Voltar ao topo