Publicidade

Publicidade

01/06/2012 - 21:30

Centro Acadêmico de Teatro da UFRGS luta por espaço para apresentações

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil/ iG (michel@aplausobrasil.com)

PORTO ALEGRE – Creio que no estado em que nasceu nossa presidenta, Dilma Roussef, onde a democracia tem plena força, o reitor Carlos Alexandre Neto, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), não poupará esforços em ouvir seus alunos no objetivo de tomar as devidas providências quanto ao espaço para que possam executar tarefas acadêmicas.

O Aplauso Brasil enviará uma entrevista ao reitor para explanar sobre o assunto, pois é chocante, como podemos ver no vídeo que se  segue, o triste retrato do descaso para suprir necessidades básicas do teatro que deveria servir aos alunos do curso de artes cênicas da instituição.
<a href="“>

Autor: - Categoria(s): DESTAQUE, ESPAÇO GRUPOS & CIAS., Multimídia, Notas e Oportunidades Tags: , , , , , , , , , , ,
15/03/2012 - 17:20

As múltiplas Nises de Mariana Terra

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil/ iG  (Michel@aplausbrasil.com)

"Nise da Silveira", com Mariana Terra. Foto - Jackeline Nigri

SÃO PAULO – Uma personagem monumental feito a Dra. Nise da Silveira, uma das primeiras brasileiras a se formar em medicina, cujo mergulho nas veredas do Inconsciente, inspiração do mestre C. G. Jung, levou-a a negar a terapia à base de eletro-choque e tratar seus “doentes” com pinturas que revelavam imagens de seus inconscientes, merecia a multiplicação de instrumentos interpretativos para dar conta dessa imensidão de Nises. Em Nise da Silveira – Senhora das Imagens, roteiro e direção de Daniel Lobo, cuja temporada acaba de ser prorrogada hoje, no Teatro Eva Herz, a atriz Mariana Terra alcança a estatura de sua personagem.

A entrada da plateia no pequeno e aconchegante teatro localizado dentro da livraria cultura já é um convite a esquecermos o tempo acelerado de nosso cotidiano em favor de um tempo sagrado, em que o acelerado ritmo diário dá pausa ao mergulho no profundo em nós. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Críticas, MICHEL FERNANDES RECOMENDA, Multimídia Tags: , , , , , , , , , , , , , ,
09/03/2012 - 01:51

Folias apresenta show musical inspirado no bairro que sedia o grupo

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, do Aplauso  Brasil/ iG (Michel@aplausobrasil.com)

Nani de Oliveira e Pedro Lopes em "A Saga Musical de Cecília..."

SÃO PAULO – Um argumento do ator e músico Dagoberto Feliz deu o start para que a companhia Folias D’ Arte criasse o espetáculo A Saga Musical de Cecília… (desde  priscas eras até os dias de hoje no pedaço de terra dividida que carrega o seu santo nome), que recorre à histórias, tipos e personagens que povoam o bairro paulistano de Santa Cecília, onde está sediado o grupo.

Com dramaturgia de Carlos Francisco, direção do ator Danilo Grangheia e direção musical de Bruno Perillo, A Saga Musical de Cecília… estreia hoje no Galpão do Folias.

Segundo o diretor a “história” de A Saga Musical de Cecília… é uma junção de “devotos, sonhadores, miseráveis, artistas, moradores e transeuntes para (re)contar uma história que se constrói diariamente neste centro babilônico paulistano, a Santa Cecília, Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Matérias Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
04/08/2011 - 17:49

José Miguel Wisnik e Carlos Núñez: a mescla de sonoridades que embala o Grupo Corpo

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil (Michel@aplausobrasil.com)

JOSE MIGUEL WISNIK

Parceiro veterano do Grupo Corpo, José Miguel Wisnik juntou-se com o musicista espanhol, o galego Carlos Núñez, “especialista em instrumentos medievais”, conforme disse, e da mescla entre sonoridades surgiu a trilha composta para Sem Mim, nova coreografia do Grupo Corpo, companhia de dança de Belo Horizonte (MG).

"Sem Mim" - crédito José Luiz Pederneiras

Como meu parceiro de criação, Carlos Núñez,é espanhol, galego, trouxe as gravações das e partituras (do trovador medieval viguês,  Martín Codax) e propôs que gravássemos o material com músicos brasileiros. Ele é um instrumentista especialista nesses instrumentos galegos medievais, uma variedade de flautas, a gaita de fole – que ele é um virtuose (considerado o “Jimmy Hendrix as gaita de fole) -, enfim, trouxe uma porção de instrumentos medievais como a viola da camba que combinaram com instrumentos brasileiros como as violas caipiras instrumentos de percussão, o pandeiro. Da combinação das duas sonoridades nasceu a nossa trilha, da mescla de instrumentos antigos e atuais, das diferentes sonoridades, do mergulho para o interior como do jorro externo”, disse Wisnik. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Dança, Música e Cinema Tags: , , , , , , , ,
27/07/2011 - 14:34

Inscrições para concurso Contato Universitário

Compartilhe: Twitter

Vem aí o 5º "Contato Universitário"

As inscrições no  concurso “Contato Universitário”, promovido pelo 5º CONTATO – Festival  Multimídia Colaborativo devem ser feitas até o dia 20 de agosto. A oportunidade é uma chamada de projetos  artísticos   propostos por estudantes de  graduação, pós–graduação e  recém formados  de  todo o Brasil. A  atividade visa possibilitar a  apresentação de trabalhos   multimídia em  variados suportes de criação  como áudio, vídeo, performance,    instalação, intermedia, artes  transdisciplinares, dentre outros. Os procedimentos de inscrição devem  ser conferidos em www.contato.ufscar.br .

Os projetos deverão ter como base o slogan desta edição do CONTATO –   “Quando 140 caracteres não bastam, é hora de ir pra rua e se conectar.  Faça contato!”. Os trabalhos selecionados terão despesas de até R$ 3 mil pagas pelo Festival, além da exposição durante o Contato  Eletrônico. O edital, a ficha de inscrição e outras informações estão disponíveis no site do evento.

O 5º CONTATO será  realizado em São Carlos, de 14 a 20 de novembro, e  promove show, oficinas e diversas atividades na busca por   experimentações em arte e tecnologia, em um processo de formação entre  vários artistas, para estabelecer relações com sua poética e o processo  de  criação. Mais informações estão disponíveis em www.contato.ufscar.br .

Autor: - Categoria(s): Notas e Oportunidades Tags: , , , ,
13/12/2010 - 16:45

Provocando uma discussão sobre o Ministério da Cultura

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil (michel@aplausobrasil.com)

E você? Qual a sua opinião? Como você vê o papel do Ministério Cultural? Como você avalia a atual gestão do MINC? O que está bom? O que precisa melhorar?

Pedro Neschling, o provocador

Sem nenhum interesse político e/ ou pessoal acerca do atual Ministro da Cultura, Juca Feirreira, proponho aqui uma discussão sobre os futuros rumos desejados pela classe artística a respeito da pasta ministerial de cultura. Para que a reflexão seja frutífera conto com a participação de você, leitor, deixando opinião ao final do texto.

Parto da inquietação sentida ao ler artigo de Pedro Neschling, para a Folha de São Paulo, em que critica um artigo escrito pelo cineasta e produtor Luiz Carlos Barreto, publicado no último dia 09 no mesmo jornal, em que o primeiro crítica a postura de Barretão, como é conhecido o cineasta, sobre a atuação reprovável de Juca Ferreira no Ministério da Cultura, além de colocar em dúvida o apoio da classe artística à continuidade do ministro na pasta cultural, o que Neschling prontamente refuta como representante da classe artística.

Destaco, mais uma vez, que não se trata nem de questão política, nem relacionada à gestão de Ferreira, mas relativo aos rumos seguidos e desejados frente à captação de recursos na produção de bens artísticos. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Matérias Tags: , , , , , , , , , ,
15/10/2010 - 19:20

Celebração de felicidade e voluntariado com João Carlos Martins ..,

Compartilhe: Twitter

Adriano de Oliveira, especial para o Aplauso Brasil (adriano@aplausobrasil.com)

O maestro João Carlos Martins

Amanhã, o Movimento Mais Feliz, em parceria com o projeto Mackenzie Voluntário, apresenta o concerto “Educação, Cidadania e Felicidade”, sob regência do maestro João Carlos Martins, no Campus Mackenzie, às 21 horas.

O espetáculo conta com a presença do tenor Jean William e a participação especial da bateria da Escola de Samba Vai-vai, que prometem impressionar o público com a mistura de música clássica e samba. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Dança, Música e Cinema, Matérias Tags: , , , , ,
13/10/2009 - 16:24

Neyde Veneziano estreia em Santos De Onde Vem o Verão

Compartilhe: Twitter

Luis Francisco Wasilewski, especial para o Aplauso Brasil (lfw@aplausobrasil.com) 

Neyde Veneziano encena peça de Soffredini

Neyde Veneziano encena peça de Soffredini

 

Na semana em que o grande autor santista, Carlos Alberto Soffredini, comemoraria seus 70 anos, a cidade de Santos poderá assistir à estreia de um de seus textos mais premiados, De Onde Vem o Verão, dirigido pela, também santista, Neyde Veneziano.

Soffredini começou a produzir textos teatrais em 1967, em Santos, enquanto fazia teatro no TEFFI – Teatro Escola da Faculdade de Filosofia. Dentre suas obras memoráveis destacam-se O Pássaro do Poente, Na Carrera do Divino (que teve notável encenação de Paulo Betti com o Pessoal do Victor), Vem buscar-me Que Ainda Sou Teu, Mais Quero Asno que me carregue que Cavalo que me Derrube. Para a TV escreveu novelas como Brasileiras e Brasileiros. A partir da obra de Soffredini, Luis Alberto de Abreu e Luiz Fernando Carvalho criaram a mini-série Hoje é dia de Maria.

Segundo Neyde Veneziano, “Soffredini, ao lado de Nelson Rodrigues e Plínio Marcos, está entre os maiores dramaturgos do Brasil. Sua obra representa poeticamente o povo brasileiro, com suas crenças, seus costumes e até suas safadezas, em dias quentes de verão”.

 Para a diretora, “Soffredini levou para o teatro os seus vizinhos dos bairros santistas, tornando-os líricos e antológicos. A peculiar prosódia santista salpicada de frases estrambóticas surge nas deliciosas falas dos personagens como: “tu foi?…, tu viu?…, tu sabe como são as coisa?… bregada, viu?”

 De Onde Vem o Verão mostra a história de Marlene (Renata Soffredini), uma costureira de vestidos de noiva que vê, de sua janela, o mundo se modernizar. Ao lado da mãe (Laura Lavorato), Marlene passa a viver um grande conflito. Pela janela, ela conhece Natalino (Daniel Meirelis), um pedreiro da obra que está sendo construída na frente de sua casa. E Marlene se apaixona. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Matérias Tags: , , , , , , , , , , ,
18/09/2009 - 06:02

Versão brasileira de Bewitched, Bothered and Bewildere é uma das melhores faixas do CD Nego

Compartilhe: Twitter

Capa do CD <i>Nego</i>

Capa do CD Nego

Michel Fernandes, especial para o Último Segundo (michel@aplausobrasil.com)

 

 Músicas consagradas do jazz americano como My Romance, Over The Rainbow (aquela que Doroty canta no filme O Mágico de Oz), Summertime, Strange Fruit, entre outras, ganham versão brasileira, assinada por Carlos Rennó, no CD Nego, da gravadora Biscoito Fino,  em cujo site o CD pode ser comprado.

 Nego traz canções entre os aos 1920 e 1950. a maioria delas compostas para os musicais da Broadway e de Hollywood, em releituras de Carlos Rennó (letras) e Jaques Morelembaum (músicas), e participações de astros da música brasileira como Carlinhos Brown, Dominguinhos, Elba Ramalho, Emílio Santiago, Erasmo Carlos, Gal Costa, Moreno Veloso, Ná Ozzetti, Olivia Hime, Zélia Duncan, entre outros,sendo uma das mais belas a que Maria Rita interpreta: Inquieta, Tonta e Encantada (Bewitched, Bothered and Bewildered), de Richaad Rodgers e Lorenz Hart e belíssima versão de Carlos Rennó.

Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Dança, Música e Cinema, Matérias Tags: , , , , , , , , , , ,
Voltar ao topo