Publicidade

Publicidade

28/03/2012 - 23:52

Os Monólogos da Vagina estreia no Teatro Brigadeiro com novo elenco

Compartilhe: Twitter

Nanda Rovere, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

Imara Reis dirige nova montagem da peça de Eve Ensler

SÃO PAULO – Para comemorar o sucesso da comédia Os Monólogos da Vagina, a capital paulista sedia a estreia de mais uma temporada do espetáculo, que entra em cartaz no Teatro Brigadeiro, em São Paulo, a partir desta sexta-feira (30). A ocasião também marca o lançamento no Brasil do movimento feminista V-DAY.

Integram o elenco dessa nova temporada as atrizes Fafy Siqueira, Chris Couto e Adriana Lessa, sob direção de Imara Reis. Das três, apenas Fafy já fez parte do elenco anterior, que já contou com nomes como Zezé Polessa, Tânia Alves, Cláudia Rodrigues, Cissa Guimarães, Lucia Veríssimo, Elizângela e Maximiliana Reis.

Os Monólogos da Vagina, de autoria da escritora e ativista americana Eve Ensler, já foi encenado em mais de 150 países e em mais de 50 idiomas diferentes.

A autora coletou depoimentos verídicos tentando entender o porquê de ser tão problemático falar sobre vagina. Seu objetivo era celebrar esse órgão feminino que está diretamente relacionado à sexualidade da mulher. O texto se desdobrou em diversas problemáticas como a violência contra a mulher. A mídia começou a prestar atenção e a peça se transformou num grande sucesso mundial.

Cássio Reis, produtor responsável pela montagem de Os Monólogos da Vagina no Brasil, assistiu ao espetáculo nos Estados Unidos e o que mais lhe chamou atenção é o cunho social da obra, na medida em que alerta a sociedade para a necessidade de se combater o preconceito e atos que colocam a integridade das mulheres em risco. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Matérias Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
05/03/2012 - 18:35

Nara: premiado musical de volta à cidade em curta temporada

Compartilhe: Twitter

Maurício Mellone, editor do Favo do Mellone site parceiro do Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

"Nara" - Rodrigo, Guilherme, William, Fernanda -foto de Bianchi Jr.

Depois de muito sucesso pelo país, o espetáculo de Fernanda Couto e Márcio Araújo está de volta a São Paulo para completar a homenagem à Nara Leão, que faria 70 anos em 2012 se estivesse entre nós

Se quiserem saber /
se volto, diga que sim/
Mas só depois que a saudade se afastar de mim/
Só depois que a saudade se afastar de mim.”

SÃO PAULO – Do fundo da plateia que Fernanda Couto surge cantando um dos grandes sucessos de Nara Leão, Diz que fui por aí, de Zé Keti e Hortêncio Rocha. Já no palco, ao lado deRodrigo Sanches, William Guedes e Guilherme Terra a atriz encarna a musa da bossa nova no musical Nara, que está de volta a São Paulo, no Teatro Jaraguá, depois de temporadas de sucesso aqui, no Rio, Brasília, Teresina e diversas cidades do interior paulista. Na bagagem, o musical traz também alguns prêmios e indicações e, de acordo com a atriz, era muito importante para todos do projeto que estivessem em cartaz neste ano em que Nara Leão completaria 70 anos de idade.

Poucos elementos cenográficos e algumas trocas de figurino bastam para Fernanda e os três músicos e atores apresentarem um painel tanto da trajetória de Nara Leão como um panorama artístico, político e social do período em que ela viveu. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Artigos, Resenhas e Crônicas, Colaboradores Tags: , , , , , ,
19/11/2010 - 15:31

Veja galeria de fotos de “Ligações Perigosas”

Compartilhe: Twitter

Maria Fernanda Cândido estreia como vilã

LEIA TAMBÉM

Esses Ingleses 3: Garbo estético enriquece “Ligações Perigosas”

[slideshow id=20]

Autor: - Categoria(s): GALERIA DE FOTOS Tags: , , , , , , , , , , , , ,
08/06/2010 - 18:37

Nara tem tudo a ver com Nara Leão

Compartilhe: Twitter

Maria Lúcia Candeias, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

O musical "Nara" em cartaz no Teatro AugustaEm primeiro lugar Nara, em cartaz no Teatro Augusta apenas quartas e quintas-feiras, é uma peça musical que homenageia a musa da Bossa Nova. Foi escrita por Márcio Araújo e Fernanda Couto (que também interpreta a protagonista). Totalmente baseada em dados da vida da cantora, consegue ser tão gentil e delicada como ela foi e apresentar alguns de seus maiores sucessos.

Fernanda além de cantar de forma muito semelhante a da personagem, apresenta o tempo todo gestual delicado e, aparentemente tímido, como o dela, com feminilidade igual.

Todas essas são características que mostram porque ela foi considerada a musa do movimento. Pra quem não sabe ou não se lembra, a bossa nova se insurgiu contra o excesso de melodrama que caracterizava os samba-canções e suas letras na época antecedente, o batuque talvez um tanto desenfreado dos sambas do período e o vozeirão dos cantores que acentuava o exagero das emoções retratadas. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Críticas Tags: , , , , , , , , ,
10/05/2010 - 23:24

Montagem eficiente reverencia o mito Nara Leão

Compartilhe: Twitter

Afonso Gentil, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

Fernanda Couto é Nara Leão

Uma coisa é certa, cristalina: o carioca é mesmo um povo alegre que ama e pratica música, muita música. Outra constatação: nós, paulistanos, como povo, somos bastante formais diante de manifestações musicais. Resultado: os grandes sucessos das montagens musicais, importadas da Broadway ou genuinamente gestadas no Rio de Janeiro, nascem, crescem, multiplicam-se e jamais morrem nos palcos da ex-capital federal (será por isso a tradição?).

O currículo de produções musicais nos nossos palcos, afora as importadas do Rio, é bem modesto numericamente. Daí estarmos saudando agora o surgimento dessa biografia de uma das maiores cantoras da Musica Popular Brasileira (MPB), Nara Leão, tida com justa razão como musa da Bossa Nova. Nara está em cartaz na sala grande do simpático e bem freqüentado Teatro Augusta, no meio da semana. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Críticas, Matérias Tags: , , , , , ,
Voltar ao topo