Publicidade

Publicidade

28/03/2012 - 23:52

Os Monólogos da Vagina estreia no Teatro Brigadeiro com novo elenco

Compartilhe: Twitter

Nanda Rovere, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

Imara Reis dirige nova montagem da peça de Eve Ensler

SÃO PAULO – Para comemorar o sucesso da comédia Os Monólogos da Vagina, a capital paulista sedia a estreia de mais uma temporada do espetáculo, que entra em cartaz no Teatro Brigadeiro, em São Paulo, a partir desta sexta-feira (30). A ocasião também marca o lançamento no Brasil do movimento feminista V-DAY.

Integram o elenco dessa nova temporada as atrizes Fafy Siqueira, Chris Couto e Adriana Lessa, sob direção de Imara Reis. Das três, apenas Fafy já fez parte do elenco anterior, que já contou com nomes como Zezé Polessa, Tânia Alves, Cláudia Rodrigues, Cissa Guimarães, Lucia Veríssimo, Elizângela e Maximiliana Reis.

Os Monólogos da Vagina, de autoria da escritora e ativista americana Eve Ensler, já foi encenado em mais de 150 países e em mais de 50 idiomas diferentes.

A autora coletou depoimentos verídicos tentando entender o porquê de ser tão problemático falar sobre vagina. Seu objetivo era celebrar esse órgão feminino que está diretamente relacionado à sexualidade da mulher. O texto se desdobrou em diversas problemáticas como a violência contra a mulher. A mídia começou a prestar atenção e a peça se transformou num grande sucesso mundial.

Cássio Reis, produtor responsável pela montagem de Os Monólogos da Vagina no Brasil, assistiu ao espetáculo nos Estados Unidos e o que mais lhe chamou atenção é o cunho social da obra, na medida em que alerta a sociedade para a necessidade de se combater o preconceito e atos que colocam a integridade das mulheres em risco. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Matérias Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
26/03/2012 - 16:48

Cia Nuh de Teatro e Grupo Komedi levam espetáculo infantil às escolas públicas de São Paulo

Compartilhe: Twitter

Nanda Rovere, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

Teatro de graça

SÃO PAULO – Com o objetivo de unir educação e magia, a Incentivar Produções (Grupo Komedi) e a Cia Nuh de Teatro, apresentam, a partir de amanhã, a comédia Na ceia com Maria Tricota e Borbotono. Patrocinada pela empresa Grupo Sotreq S/A e com apoio do Ministério da Cultura, a montagem circulará gratuitamente em mais de 20 escolas em cidades do estado de São Paulo.

De autoria do escritor Marciano Vasques e com direção de Raul Figueiredo, conhecido por suas parcerias com os Doutores da Alegria, a montagem apresenta personagens clássicos, como o Lobo e a Bruxa. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Matérias Tags: , , , , , , , , , ,
15/03/2012 - 17:20

As múltiplas Nises de Mariana Terra

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil/ iG  (Michel@aplausbrasil.com)

"Nise da Silveira", com Mariana Terra. Foto - Jackeline Nigri

SÃO PAULO – Uma personagem monumental feito a Dra. Nise da Silveira, uma das primeiras brasileiras a se formar em medicina, cujo mergulho nas veredas do Inconsciente, inspiração do mestre C. G. Jung, levou-a a negar a terapia à base de eletro-choque e tratar seus “doentes” com pinturas que revelavam imagens de seus inconscientes, merecia a multiplicação de instrumentos interpretativos para dar conta dessa imensidão de Nises. Em Nise da Silveira – Senhora das Imagens, roteiro e direção de Daniel Lobo, cuja temporada acaba de ser prorrogada hoje, no Teatro Eva Herz, a atriz Mariana Terra alcança a estatura de sua personagem.

A entrada da plateia no pequeno e aconchegante teatro localizado dentro da livraria cultura já é um convite a esquecermos o tempo acelerado de nosso cotidiano em favor de um tempo sagrado, em que o acelerado ritmo diário dá pausa ao mergulho no profundo em nós. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Críticas, MICHEL FERNANDES RECOMENDA, Multimídia Tags: , , , , , , , , , , , , , ,
12/03/2012 - 19:59

Começa hoje o V Festival Ibero-Americano

Compartilhe: Twitter

Companhia portuguesa apresenta "Punhado de Terra"

SÃO PAULO – O V Festival Ibero-Americano será aberto com uma cerimônia onde será homenageada a atriz Cleide Yaconis, um dos maiores ícones do teatro brasileiro. Em seguida, haverá a apresentação de Luis Antonio – Gabriela, de Nelson Baskerville, que recebeu o Prêmio APCA de melhor espetáculo de 2011, indicação para melhor espetáculo no Prêmio Bravo, cinco indicações ao Prêmio Shell e três indicações ao Prêmio Cooperativa Paulista de Teatro.

A Fundação Memorial da América Latina realiza o V Festival Ibero-Americano de Teatro de São Paulo de 12 a 18 de março. Serão apresentadas 18 montagens teatrais provenientes de sete países, sendo que onze delas são do Brasil, duas do Uruguai e as outras cinco dividem-se entre Espanha, Paraguai, Argentina, México e Portugal.

CLIQUE AQUI para ver a programação.

Também estão programadas três mesas de debates coordenadas pela atriz, diretora e presidente da Associação dos Produtores de Espetáculos Teatrais do Estado de São Paulo (Apetesp), Analy Alvarez. Ela traz como convidados os professores Chico de Assis e Ewerton de Castro, além do diretor Nelson Baskerville, para discutir “a arte de escrever para o teatro”, “a diferença entre atuar e interpretar” e “os desafios do encenador”.

Autor: - Categoria(s): Notas e Oportunidades Tags: , , , , , , , , , , ,
08/03/2012 - 17:08

A Vingança do Espelho homenageia Zezé Macedo

Compartilhe: Twitter

Luís Francisco Wasilewski, especial para o Aplauso Brasil (lfw@aplausobrasil.com)

Peça de Flávio Marinho faz parte do projeto "Trilogia da Comédia"

SÃO PAULO – A criadinha do Brasil, Greta Garbo brasileira, Carlitos de saias. Tantos apelidos foram dados para Zezé Macedo, uma das maiores comediantes brasileiras. A Vingança do Espelho: A História de Zezé Macedo, projeto idealizado por Eduardo Barata, dirigido por Amir Haddad, e com Betty Gofman, Tadeu Mello, Mouhamed Harfouch, Marta Paret e Marcelo Várzea no elenco, estreia no Teatro Vivo, nesta sexta-feira (9), 21h30, cumprindo temporada sempre as sextas às 21h30, sábados às 21h e domingo às 19h, com preço único promocional de R$10 na primeira semana de espetáculo.

“Homenagear Zezé Macedo não é só resgatar a memória das atrizes populares é também relembrar como é possível fazer uma linha interpretativa sofisticada, elegante, popular e extremamente brasileira”, esclarece Flávio Marinho autor da peça.

O espetáculo faz parte do projeto “Trilogia do Riso”, idealizado e produzido por Eduardo Barata, que conta a trajetória pessoal e profissional de grandes damas das comédias e das chanchadas: A Garota do Biquíni Vermelho, que homenageia Sônia Mamed; A Vingança do Espelho: A História de Zezé Macedo, sucesso de público e crítica durante a temporada no Rio de Janeiro e Consuelo Leandro, que será dirigido por Ernesto Piccolo.

“Comecei a pensar neste projeto em 2007. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Matérias Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
01/03/2012 - 15:26

João Candido Portinari: “É a melhor peça de teatro que já vi em toda a minha vida”

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil/ iG (Michel@aplausobrasil.com)

"Nise da Silveira". Com Mariana Terra. Foto de Rafael Viana

SÃO PAULO – Certa vez, em alguma entrevista coletiva perdida na memória, um ator afirmou que o público de teatro paulistano é mais exigente que de outras praças brasileiras. Sendo assim, o espetáculo Nise da Silveira – Senhora das Imagens, de Daniel Lobo, tem motivos de sobra pra celebrar a temporada no Teatro Eva Herz cujas apresentações, sempre lotadas, recebem acalorados aplausos de uma emocionada plateia.

Com exata performance de Mariana Terra, senhora dos mais preciosos instrumentos dos artesão do palco: corpo, voz, inteligência e carisma, o solo ganha projeção multiplicada com visíveis recursos de plena consciência corporal e uma sinfonia vocal que dá tons e nuances diferentes a cada um dos personagens que contam a sublime trajetória da Dra. Nise da Silveira, uma das primeiras mulheres a se formar em medicina e que enveredou para o serviço psiquiátrico. Discípula de Jung , libelo da Liberdade, ela disse não ao eletro-choque, prática adotada nos hospitais psiquiátricos públicos, e introduziu a arte, especificamente a pintura, como terapia aos doentes mentais, fundando o Museu de Imagens do Inconsciente, entre tantos outros feitos. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Artigos, Resenhas e Crônicas, Dança, Música e Cinema, Matérias Tags: , , , , , , , , , , ,
21/02/2012 - 20:36

Quarta-feira de Teatro para apagar uma apuração cinza

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil (Michel@aplausobrasil.com)

Jarbas Homem de Mello e Cladia Raia em "Cabaret"

SÃO PAULO – Para os foliões e não foliões da festa de Momo, a Quarta-feira de Cinzas oferece duas excelentes opções para apagar as cinzas da melancolia pós-feriado  e re-acender os ânimos paulistanos entristecidos por uma apuração dantesca do Desfile das Escolas de Samba de SP. Nise da Silveira – Senhora das Imagens, em cartaz no Teatro Eva Herz, e Cabaret, no Teatro Procópio Ferreira, são ótimas opções.

Cabaret. Até 03 de março. Quarta e quinta-feira às 21h, sexta-feira às 21h30, sábado (duas sessões) às 18h e às 21h30 e domingo às 18h..Teatro Procópio Ferreira, Rua Augusta, 2.823. Tel. 11 3083 4475. R$ 40,00 a R$ 200. Duração: 2h30.

"Nise da Silveira". Com Mariana Terra. Foto - Jackeline Nigri

Nise da Silveira – Senhora das Imagens. Até 29 de março.  Quartas e Quintas, às 21h. Teatro Eva Herz. Avenida Paulista, 2.073 – Livraria Cultura / Conjunto Nacional. Tel. 11) 3170-4059  R$50.

LEIA TAMBÉM

Uma grande revolução pacífica

Nise da Silveira- Senhora das Imagens agora em São Paulo

Jarbas Homem de Mello introduz estética Dzi Croquettes

Chris Aizner e Fábio Namatame firmam marca de qualidade

Uma Diva chamada Claudia Raia

As marcas de 2011, só algumas

Autor: - Categoria(s): Notas e Oportunidades Tags: , , ,
14/02/2012 - 23:00

Uma grande revolução pacífica

Compartilhe: Twitter

Maria Lúcia Candeias*, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

"Nise da Silveira". Com Mariana Terra. Foto de Rafael Viana

SÃO PAULO – É certo que as revoluções provocadas por descobertas científicas costumam ser pacíficas. É o caso da comandada por Nise da Silveira em matéria de psiquiatria. Como é sabido, os remédios para as psicoses são recentes ainda mais os que se dedicam à esquizofrenia – que têm cerca de dez anos. No século XIX usavam-se drogas como o absinto, entre outras. Bem melhor do que anteriormente, quando a internação era definitiva. No século XX, em casos de crise grave os médicos utilizavam choque elétrico.

Doutora Nise, uma alagoana que viveu de 1905 a 1999, inconformada com a situação, criou centros de para terapia através das artes. Com um grande sucesso,transformou o espaço onde eram mantidas as obras de seus pacientes num museu no Rio. Chama-se Museu de Imagens do Inconsciente e além de funcionar com tratamento chegou a formar artistas que se destacaram como Arthur Bispo do Rosário que obteve prestígio até fora do país.

Em 2002, a médica foi a protagonista da peça Anjo Duro, de Luiz Valcazaras, com Bertha Zemel premiada no papel. O artista plástico também foi retratado pelo teatro numa peça intitulada Bispo. Foram excelentes espetáculos e mesmo quem viu e gostou deve comparecer ao Teatro Eva Herz da Livraria Cultura do Conjunto Nacional.

Nise da Silveira, Senhora das Imagens tem enfoque sobre detalhes da vida pessoal da psiquiatra, os quais não foram assuntos das outras montagens, sem deixar de dar a ela o valor profissional que ela teve. Escrita e dirigida por Daniel Lobo tem leveza jovial e modernidade no estilo da bela e jovem intérprete que esbanja dança com coreografia de ninguém menos do que Ana Botafogo. Ela é Mariana Terra e tem grande possibilidade de tornar seu assunto mais próximo de quem nunca ouviu falar dela e desconhece a questão da psiquiatria. Excelente! Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Críticas Tags: , , , , , , , , , , , ,
07/02/2012 - 20:16

Cibele Forjaz abre ensaios de novo espetáculo da Cia. Livre

Compartilhe: Twitter

Redação do Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

A diretora Cibele Forjaz

SÃO PAULO – A Cia Livre, de Cibele Forjaz, faz ensaio aberto do novo espetáculo A Travessia da Calunga Grande, nas duas próximas quintas-feiras (9 e 16), às 18 horas, no Galpão do SESC Pompeia e na Casa Livre, respectivamente.  A peça estreia para público dia 9 de março, no Galpão do SESC Pompeia.

Com dramaturgia de Gabriela Almeida, em processo colaborativo com a Cia. Livre e direção artística de Cibele Forjaz, a peça é baseada em Édipo Rei, de Sófocles, sob a ótica das relações entre África e Brasil.

O espetáculo e o projeto de pesquisa, tem patrocínio da Petrobrás e é contemplado pelo Programa Municipal de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo.

Autor: - Categoria(s): Notas e Oportunidades Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,
05/02/2012 - 17:49

Nise da Silveira- Senhora das Imagens agora em São Paulo

Compartilhe: Twitter

Maurício Mellone, editor do Favo do Mellone site parceiro do Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

"Nise da Silveira", com Mariana Terra. Foto - Jackeline Nigri

Espetáculo multimídia — une teatro, dança, música, vídeo e artes plásticas — acaba de estrear depois de sucesso pelo país. Com direção de Daniel Lobo, Mariana Terra vive a médica alagoana que revolucionou psiquiatria no século XX

SÃO PAULO – Ao entrar na sala do Teatro Eva Herz, o público já é envolto no clima do espetáculo Nise da Silveira- Senhora das Imagens. Quase na penumbra, as pessoas procuram seus assentos enquanto a atriz Mariana Terra está na plateia pintando quadros, numa referência direta aos trabalhos dos pacientes do hospício em que a médica Nise da Silveira trabalhou no Rio, nos meados do século XX. Com seu método revolucionário — implantou ateliês de pintura no tratamento da esquizofrenia em oposição à terapia de eletrochoque — Nise fundou o Museu de Imagens do Inconsciente, que está completando 60 anos e foi o mote para a montagem.

Com passagens por Brasília, Alagoas, Espírito Santo e de grande sucesso no Rio, Nise da Silveira- Senhora das Imagens estreou nesta semana na cidade. Após breve rito budista entre diretor e atriz (a troca de energia para que tudo saia como o previsto), ouve-se em off a voz do inconsciente, interpretada por Carlos Vereza (também dá voz ao psicanalista Carl Jung), que anuncia:
“Vai Mariana, pega o cajado, legado de teu pai, e dá vez a voz do coração”. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Artigos, Resenhas e Crônicas, Colaboradores Tags: , , , , , , , , ,
Voltar ao topo