Publicidade

Publicidade

16/07/2012 - 17:15

Club Noir sedia Mostra Brasileira de Dramaturgia Contemporânea

Compartilhe: Twitter

Nanda Rovere, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

Juliana Galdino

SÃO PAULO – O projeto, com direção de Roberto Alvim, apresenta textos inéditos escritos por jovens autores brasileiros. A abertura será amanha (17), às 21 horas, com o texto de Luiz Felipe Leprevost, Hieronymus nas Masmorras. Na mesma ocasião será lançado o livro Dramáticas do Transumano, de Alvim.

Ao todo são oito peças, selecionadas por Alvim. Cada obra permanecerá em cartaz durante um mês e será encenada pelos atores Juliana Galdino, Renato Forner e Ricardo Grasson.

O objetivo é desenhar um panorama da produção dramatúrgica brasileira atual, a qual trabalha com temáticas e linguagens diversificadas. O projeto visa também contribuir para a descoberta de novas experiências estéticas que promovam novas maneiras de se pensar e fazer teatro.

Para o diretor, as oito obras confrontam o espectador com a reinvenção absoluta do mundo e do ser humano.

“Estas obras forçam os limites estabelecidos do teatro em direções insuspeitadas, ressignificando a atuação e a encenação na medida em que ressignificam nossa ideia acerca do que seja a humanidade”, diz Alvim. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, DESTAQUE, Matérias Tags: , , , , , , , ,
19/06/2012 - 17:00

Dramaturga inglesa realiza atividades gratuitas na capital

Compartilhe: Twitter

Redação do Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

A dramaturga inglesa Nina Reine

Pela primeira vez no Brasil, a autora inglesa Nina Raine participa de atividades que antecedem a estreia da peça Rabbit, montagem inédita da Companhia Delas, com direção de Eric Lanate. Formada em Oxford, Nina Raine é filha do poeta Craig Raine e ocupa lugar de destaque na dramaturgia britânica da atualidade

SÃO PAULO – Com o propósito de recepcionar festivamente a dramaturga inglesa Nina Raine, autora da nova montagem da Companhia Delas, Rabbit, dirigida por Eric Lenate, o espetáculo faz ensaios abertos nesta quinta (21) e sexta-feira (22) no Teatro da Cultura Inglesa.

A programação de Nina Raine inclui, ainda, bate-papo sobre dramaturgia nesta quarta-feira (20) SESI e um workshop para atores com exercícios e técnicas utilizadas pela Royal Shakespeare Company, sábado (23), no Teatro Cultura Inglesa. Todas as atividades têm entrada gratuita.

Rabbit tem direção de Eric Lenate e tradução de Ricardo Estevam para o primeiro texto da jovem autora e diretora inglesa, um dos grandes nomes da dramaturgia britânica contemporânea, escrito em 2006. No elenco, Leia mais »

Autor: - Categoria(s): DESTAQUE, Matérias Tags: , , , , , , , , , , , ,
21/09/2011 - 14:36

Caesar Moura lança livro com textos inéditos

Compartilhe: Twitter

Luís Francisco Wasilewski, especial para o Aplauso Brasil (lfw@aplausobrasil.com)

Capa de "Dramaturgia Suburbana, Carioca e Nervosa"

RIO DE JANEIRO – Dramaturgia Suburbana, Carioca e Nervos, livro que será lançado nesta quarta-feira (21), 19h, na Livraria Prefácio, é uma síntese da obra do dramaturgo carioca Caesar Moura que teve seu trabalho revelado nas mostras Nova Dramaturgia Brasileira, Novos Autores Cariocas e no Brasil em Cena, realizadas na capital carioca.

O livro é uma coletânea de quatro textos teatrais, dois deles inéditos. Com prefácio do autor e diretor Roberto Alvim, o livro leva o nome da Giostri Editora (SP) dentro do selo Dramaturgia Brasileira.

Sobre os Textos:

QUER TC?, texto que fala sobre o impacto das salas de bate-papo virtual na vida de oito pessoas no início dos anos 2000 rendeu montagem selecionada para o IX Festival de Teatro do Rio onde recebeu 03 indicações, incluindo melhor peça, e foi assistida por mais de 10 mil espectadores;

COnsuMIDOS, texto sobre um retirante nordestino que é assombrado pela “mulher do outdoor” teve leituras de sucesso no Teatro do Jockey(RJ) e SESC Copacabana(RJ) e é um dos textos inéditos contidos na coletânea;

BORBOLETAS ficou entre os 12 finalistas – depois de concorrer com mais de 300 textos enviados de todo país – no concurso Brasil Em Cena realizado no Centro Cultural Banco do Brasil e provocou polêmica ao abordar a história de dois homossexuais que resolvem revidar – com violência – a toda homofobia que sofreram;

Caesar Moura, autor de "Dramaturgia Suburbana, Carioca e Nervosa"A INQUISIÇÃO DOS FALOS é o último texto inédito do autor e parte de uma premissa inusitada: Cansada da impotência sexual do marido, a esposa do prefeito de uma cidade do interior fictícia decreta que toda e qualquer ereção pública será castigada com a decapitação do membro, o que deu origem a um evento sem precedentes na história do lugar.

Org. de Roberto Alvim | Giostri Editora | 191 páginas | R$ 39,00

Lançamento:

Dia:21/09

19h

Livraria Prefácio: Rua Voluntários da Pátria n°39, Botafogo – Rio de Janeiro

www.caesarmoura.comwww.giostrieditora.com.br

É possível que seu navegador não suporte a exibição desta imagem.

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Dança, Música e Cinema, Notas e Oportunidades Tags: , , , , , , ,
05/03/2010 - 14:20

Newton Moreno, um poeta dos palcos escreve texto para Lília Cabral

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, especial para o Último Segundo (michel@aplausobrasil.com)

Lília Cabral viverá MARIA DO CARITÓ, sob direção de João das NevesNewton Moreno, ator e diretor, ganhou reconhecimento por sua excelente dramaturgia da crítica especializada e do público. E não é só: atrizes de qualidade e sedentas em encenar textos da dramaturgia contemporânea nacional, “encomendam” textos ao autor. Duas de suas peças, lançadas no dia 5 de dezembro do ano passado, pela editora Terceiro Nome, são pérolas poéticas encomendadas por Andréa Beltrão e Marieta Severo, As Centenárias, e a inédita Maria do Caritó por Lília Cabral, com estreia prevista para o começo deste ano.

Um traço interessante na dramaturgia desses dois textos “encomendados” é o livre trânsito pelos costumes do interior nordestino – as carpideiras, a virgem prometida como esposa a um santo – para tratar de temas universais como a morte, a fé e o amor, numa linguagem que segue tradições populares como o circo-teatro.

Newton conta que se formou nesse “caminho entre o litoral e o interior nordestino”, e que esses temas acorrem em seu repertório por isso. Afirma, ainda, que a preocupação em retratar o folclore do povo nordestino é secundário, pois sabe que “o que interessa ao público são boas histórias, não importa se o cenário é o Cariri nordestino ou a periferia de São Paulo”. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Artigos, Resenhas e Crônicas Tags: , , , , , , , , , , , , ,
Voltar ao topo