Publicidade

Publicidade

31/07/2012 - 19:20

Marco Ricca é o Boca de Ouro

Compartilhe: Twitter

Maurício Mellone, editor do Favo do Mellone site parceiro do Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

"Boca de Ouro"

Sob direção de Marco Antônio Braz, o ator protagoniza o clássico de Nelson Rodrigues que participa do projeto do SESI em homenagem aos 100 anos de nascimento do dramaturgo

SÃO PAULO – Montagem traz a marca registrada de Nelson Rodrigues: o subúrbio carioca dos anos 1940! Nada melhor para a comemoração dos 100 anos de nascimento do dramaturgo pernambucano (mas que foi o mais carioca de todos os cidadãos da cidade do Rio de Janeiro) do que encenar Boca de Ouro. A peça, dirigida por Marco Antônio Braz, retrata a vida do bicheiro Drácula de Madureira, interpretado com maestria por Marco Ricca, que como símbolo de seu poder mandou que um dentista trocasse seus dentes por uma dentadura de ouro! O projeto do SESI Nelson Rodrigues 100 anos inclui também ciclos de leituras dramáticas e debates, além da encenação de A Falecida, protagonizada por Maria Luisa Mendonça: as duas peças são apresentadas simultaneamente e alternadas, às quintas e sextas e aos sábados e domingos.

"Boca de Ouro"

O público entra na sala de espetáculo e o elenco de 13 atores (que participa das duas peças) está no palco se preparando para a encenação. Com o início da peça, há um desfile de escola de samba estilizado, com o bicheiro sendo o grande destaque de um carro alegórico. Corte abrupto e no canto do palco a redação do jornal O Sol com o editor — caracterizado como Nelson Rodrigues que trabalhou em jornal por muito tempo — recebendo a notícia da morte do Boca de Ouro; ele designa um repórter para entrevistar Dona Guigui (Lara Córdulla) , ex-amante do bicheiro, com a intenção de revelar os bastidores da vida do contraventor. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Artigos, Resenhas e Crônicas, Colaboradores Tags: , , , , , , , ,
27/06/2012 - 20:57

Marco Ricca e Maria Luisa Mendonça estreiam peças de Nelson Rodrigues

Compartilhe: Twitter

Nanda Rovere, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

Marco Ricca protagoniza "Boca de Ouro"

SÃO PAULO -O SESI SP promove a estreia de duas peças: Boca de Ouro, a partir desta sexta-feira (29), e A Falecida, com estreia prevista para  o dia 06 de julho, ambas sob dieção de Marco Antonio Braz. Elas estão agendadas para serem apresentadas simultaneamente e em datas alternadas, no Teatro do SESI-SP, e têm como protagonistas Marco Ricca e Maria Luísa Mendonça, respectivamente. O restante do elenco participa das duas montagens: Alessandro Hernandez, Claudinei Brandão, Jackie Obrigon, Jady Forte, Lara Córdulla, Leo Stefanini, Livia Ziotti, Luciana Caruso, Rafael Boese, Rodrigo Fregnan, Tatiana de Marca, Willians Mezzacapa e participação especial de Gésio Amadeu.

As estreias fazem parte do projeto Nelson Rodrigues 100 Anos que comemora o centenário do artista abordando a obra rodriguiana através de um olhar pedagógico e contemporâneo, além de buscar avaliar o que o Nelson Rodrigues deixou de legado nesse centenário.

Com atividades acontecendo em todo o estado de São Paulo, o objetivo é realizar um diálogo orgânico por meio do teatro e de debates, os quais serão futuramente registrados e disponibilizados para o público em geral.

As duas montagens têm como pano de fundo uma realidade brasileira e popular. Além disso, elas apresentam personagens que tentam superar a mediocridade de suas vidas, mas acabam morrendo precocemente.

Boca de Ouro tem o carnaval como elemento de destaque. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Matérias Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , ,
10/10/2010 - 04:04

Boca de Ouro encerra a trilogia com chave de ouro

Compartilhe: Twitter

Maria Lúcia Candeias, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

Grupo Gattu encena sua terceira peça de Nelson Rodrigues

Boca de Ouro encerra uma trilogia de Nelson Rodrigues, iniciada há cerca de dois anos, pelo Grupo Gattu, que vem apresentando esses espetáculos no Teatro Gil Vicente, nos Campos Elísios. A despeito da localização no prédio da Uniban, não é uma montagem escolar, mas profissional. Sua diretora, Eloísa Vitz foi membro do grupo TAPA.

Boca de Ouro é, a meu ver, uma das melhores peças do grande dramaturgo brasileiro. Teve montagem não muito feliz assinada por Ze Celso e, agora, está imperdível. A peça focaliza um bicheiro safado e mandante de um morro carioca que resolve trocar os dentes por dentes de ouro. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Críticas Tags: , , , , , , , ,
Voltar ao topo