Publicidade

Publicidade

02/12/2011 - 23:06

Um casório entre a astúcia e a gargalhada até domingo no SESI

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil (Michel@aplausobrasil.com)

Nani de Oliveira, Suzana Alves e Nicolas Trevijano em "O Casamento Suspeitoso"

SÃO PAULO – Restam apenas duas oportunidades, amanhã e domingo, 20h, no Teatro Popular do SESI, para dar vazão ao riso singelo proporcionado pel’ O Casamento Suspeitoso, de Ariano Suassuna, sob direção de Sérgio Ferrara.

Seguindo a mesma linha de outros textos seus como O Auto da Compadecida ou O Santo e a Porca, o paraibano de nascimento, Ariano Suassuna, por sua vez bebe nas águas da commedia dell’arte e outras fontes como Molière e Carlo Goldoni, para dar forma a tipos extremamente brasileiros que habitam o interior do nordeste.

Mesmo sendo de 1957 – e quantas mudanças sociais, tecnológicas, entre outras, parecem nos catapultar a séculos além -, a peça ainda traz consigo a realidade rural e seus valores coronelistas e retrógrados perfeitamente risíveis e reais ainda nos dias de hoje.

O casamento que dá título à peça é o de Geraldo (Joaz Campos) e Lúcia (Suzana Alves em surpreendente composição), uma moça interessada  nas finanças do futuro marido que vê seus  planos maculados pela severa Dona Guida (Beth Dorgan), o protótipo da matriarca desconfiada, e as artimanhas da dupla Cancão (Marco Atonio Pâmio) e Gaspar (um hilário Rogério Brito) que, abençoados por Guida, provocam as confusões para desmascarar a vigarista.

Susana Cláudia, mãe de Lúcia, vivida por Nani de Oliveira, é o grande destaque do espetáculo provocando intensas e seguidas gargalhadas, sobretudo nas cenas com o “carvãozinho de Arapiraca”,  o delicioso Gaspar.

Completa o elenco, dando garantias de momentos divertidos, Nicolas Trevijano, José Rosa, Sonia Maria, além dos músicos Breno Alvarenga e João Paulo Soran. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Críticas Tags: , , , , , , , , , ,
04/03/2010 - 18:01

O Santo e a Porca, de Ariano Suassuna, estreia em São Paulo

Compartilhe: Twitter

Antonio Júnior, especial para o Aplauso Brasil (junior@aplausobrasil.com)

Marco Pigossi é Dodô em O SANTO E A PORCA

Marco Pigossi é Dodô em O SANTO E A PORCA

Depois de estrear no Rio de Janeiro em 2009, a comédia escrita por Ariano Suassuna, O Santo e a Porca, encenada pelo grupo carioca Limite 151 Companhia Artística, volta à cena, dessa vez em São Paulo, a partir desta sexta-feira (5), 21h30, no Teatro Anhembi Morumbi.

Vencedora do Prêmio APTR 2009 de Melhor Figurino (Ney Madeira) e indicada ao Prêmio Shell nas categorias de Melhor Atriz (Gláucia Rodrigues) e Melhor Figurino (Ney Madeira), a montagem traz como novidade a presença do ator Marco Pigossi, que interpretou o divertido Cássio na novela Caras & Bocas, em lugar de Armando Babaioff. Completam o elenco os atores Élcio Romar, Gláucia Rodrigues, Nedira Campos, Marcio Ricciardi, Janaina Prado e Nilvan Santos. A direção é de João Fonseca. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Matérias Tags: , , , , , , , ,
Voltar ao topo