Publicidade

Publicidade

24/11/2011 - 15:22

A maturidade de Fabiana Cozza no SESC Vila Mariana

Compartilhe: Twitter

Edson Júnior (Edson@aplausobrasil.com)

Fabiana Cozza comemora 20 anos de trabalho lançando 3º CD

SÃO PAULO – Um hábito presente desde sempre na Música Popular Brasileira é batizar o primeiro CD com o nome do intérprete, Fabiana Cozza ez o caminho contrário, só agora, em seu 3º trabalho em estúdio seu nome dá título ao trabalho, a ser lançado no SESC Vila Mariana de sexta (25) a domingo (27). Poderemos ouvir um repertório de sambas inéditos e regravações que traduzem a maturidade de uma jovem e respeitada artista.

Fabiana que este ano já homenageou as divas do samba, interpretou sambarock e emocionou ao cantar Piaf, tanto aqui quanto na França, debruçasse agora com toda sua versatilidade ao celebrar 15 anos de carreira, sobre pérolas de Nei Lopes, Wilson Moreira, Wilson das Neves, Sombrinha, Wanderley Monteiro e Kiko  Dinucci.

Fabiana Cozza

25, 26 e 27 de novembro.

Sexta e sábado, às 21h e domingo, às 18h.

Fabiana Cozza em CD homônimo

Teatro 608 lugares.

Venda pelo sistema INGRESSOSESC, a partir de 01/11, às 14h.

R$ 32,00 (inteira); R$ 16,00 (usuário matriculado no SESC e dependentes, +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino). R$ 8,00 (trabalhador no comércio e serviços matriculado no SESC e dependentes).

Não recomendado para menores de 12 anos

Acesso para pessoas com deficiências

Estacionamento: a partir de R$ 3,00

SESC Vila Mariana

Rua Pelotas, 141

Informações: (11) 5080-3000

0800-118220

www.sescsp.org.br

Siga-nos: @sescvilamariana

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Dança, Música e Cinema, Notas e Oportunidades Tags: , , , ,
22/11/2011 - 16:14

Pornô inaugura o Studio SP Vila Madalena

Compartilhe: Twitter

Luís Francisco Wasilewski, especial para o Aplauso Brasil (lfw@aplausobrasil.com)

Personagens querem ficar famosos fazendo filme pornográfico

SÃO PAULO – Trainspotting foi um dos filmes mais marcantes da década de 1990. Agora, sob a direção de Gustavo Machado, a peça Pornô – Falcatrua Nº 18.633, de Irvine Welsh e dramaturgia de Eduardo Ruiz, apresenta o reencontro daqueles amigos, que eram personagens do filme. Dez anos depois, a turma se encontra  para a realização de um filme pornográfico.

Com a proposta de sair do teatro – assim como em sua primeira temporada, que aconteceu no Vegas Club no início de 2010 – as atrizes e produtoras Abhiyana e Ana Nero, levam a peça para inaugurar o Studio SP da Vila Madalena. Um espaço ideal para apresentar a trama que se passa em mesa de bar, com drinks, música e o perfume da noite. O público ainda poderá curtir a festa que o Studio apresentar na sequência.

Irvine Welsh é um autor sem piedade. Usa com maestria o choque, a violência, a banalização do sexo como arma poderosa de críticas. Quando trouxe ao cinema, com Trainspotting, uma geração buscando  algo nas drogas, retratou uma modernidade que, mesmo dispondo de tantas opções, beirava o vazio.

Dez anos depois as mesmas personagens se reencontram. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Matérias Tags: , , , ,
18/11/2011 - 16:33

Último final de semana de Tio Vânia do Grupo Galpão

Compartilhe: Twitter

Maurício Mellone* (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

Yara de Novaes dirige "Tio Vania" foto de Guto Muniz

Você tem até domingo para conferir a montagem do grupo mineiro para o clássico de Anton Tchekhov, no SESC Vila Mariana, com direção de Yara Novaes

SÃO PAULO – Um clássico é sempre clássico. E quando se trata de uma peça do escritor e dramaturgo russo Anton Tchekhov aí é imprescindível. Por isso que você não pode deixar de assistir a montagem do Grupo Galpão, de Minas Gerais, para o clássico de Tchekhov Tio Vânia (aos que vierem depois de nós), que encerra temporada de nesse final de semana no SESC Vila Mariana.

Com direção de Yara Novaes, o espetáculo do Galpão já percorreu diversos festivais de teatro pelo país, cumpriu temporada em Belo Horizonte e Rio, além da apresentação no Teatro Vascello (Roma/ Itália) antes dessa temporada paulistana.

Tio Vânia (aos que vierem depois de nós) não é o primeiro trabalho do Galpão com Anton Tchekhov . Em 2008, o grupo participou de um projeto que uniu teatro e cinema: sob direção de Enrique Diaz, o processo de montagem da peça As Três Irmãs, era o roteiro do diretor Eduardo Coutinho para o documentário Moscow. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Matérias Tags: , , , , , , , , , , ,
03/11/2011 - 19:23

São Paulo recebe o Tio Vânia do Grupo Galpão

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil (michel@aplausobrasil.com)

Grupo Galpão apresenta "Tio Vânia" no SESC Vila Mariana

SÃO PAULO – O chá russo servido pelo samovar de Tchekhov em Tio Vânia, mesclado ao café mineiro do Grupo Galpão resultou num espetáculo delicado e suave, dirigido por Yara de Novaes, cuja estreia paulistana acontece logo mais no Teatro SESC Vila Mariana.

Assisti à estreia nacional do espetáculo na edição deste ano do Festival de Curitiba e me surpreendeu a naturalidade minimalista alcançada  pelo Grupo Galpão, muito bem reconhecido por seu trabalho de memoráveis espetáculos em que a exuberância das convenções teatrais, a utilização da linguagem cênica popular e de rua são suas marcas registradas.

Yara de Novaes  imprimiu uma aridez ao espetáculo que ajudou na condução limpa e aprofundada dos atores. Cabe ao elenco de Tio Vânia secar o virtuosismo de saltimbancos que os caracteriza em pról de expressar as camadas mais sutis e contidas retratadas na trama que aborda as frustrações de cada um dos personagens, presos à própria inércia e acomodados com o que a vida lhes oferece em sua mais visível camada. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Críticas Tags: , , , , , , , ,
16/09/2011 - 15:24

Gabriel Villela mostra uma casa mineira que revela o que há por baixo dos panos

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil (aplauso@gmail.com)

O romance de Lúcio Cardoso, Crônica da Casa Assassinada, considerado a obra-prima do autor mineiro, serve de base para que o diretor Gabriel Villela lance seu olhar sobre a hipocrisia família versus sociedade revelando o que há por debaixo dos panos em versão teatral homônima, com dramaturgia de Dib Carneiro Neto, que estreia hoje, 21h, no Teatro do SESC Vila Mariana.

“É um drama contemporâneo que tem dois pólos: o feudo familiar e o feudo externo – da sociedade”, sintetiza o encenador Gabriel Villela.

A trama gira em torno da família Menezes e dos que habitam o casarão da abastada família que vive do arrendamento do pasto de sua propriedade: três filhos, duas cunhadas e uma empregada. Como o livro de Lúcio Cardoso é composto por cartas de um personagem para o outro, o dramaturgo dividiu os personagens em dois nichos: o interno (aqueles que vivem no casarão) e o externo (as “vozes da sociedade”, formada por três narradores que representam diferentes, um Farmacêutico, um Padre e um Médico.

“O Dib (dramaturgo da peça) colocou uma lente de aumento na obra-prima de Lúcio Cardoso cuja casa é a protagonista. Ali, na casa, se escondem segredos, as loucuras e neuroses de uma família. Segredos que são comentados e narrados por três personagens de fora: um médico (que representa a ciência), um padre (que personaliza a religião) e um enfermeiro (o fofoqueiro que quer se aproveitar dessa família rica), e todos os fatos não seguem uma ordem cronológica. È como um quebra-cabeças que faz sentido aos poucos. Há uma polifonia – personagens situados em tempos diferentes da história falam em primeira pessoa e ao mesmo tempo, por exemplo”, explica Gabriel Villela. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Matérias Tags: , , , , , , , , , , , , , ,
28/08/2011 - 16:08

Patrícia Polayne faz show no SESC Vila Mariana

Compartilhe: Twitter

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil (michel@aplausobrasil.com)

Patrícia Polayne de Aracaju para São Paulo

Dona de uma voz doce e afinadíssima, a sergipana Patrícia Polayne apresenta show de seu primeiro álbum O Circo Singular – As Canções do Exílio, lançado em 2009, na sexta-feira (2), 20h30, no SESC Vila Mariana. Hoje ela se apresenta na Casa Fora do Eixo e quarta-feira (31) no Studio SP.

Considerada a voz mais relevante de Aracaju (SE), o show que Polayne apresenta no SESC è do CD produzido com recursos do Prêmio Produção Pixinguinha, da FUNARTE, e conta com canções autorais e releituras de músicos como The Smiths, Cocteau Twins, Otto e Dona Nadir da Mussuca.

Com Patrícia Polayne (voz), Allen Alencar (guitarra), Dudu Prudente (bateria e sampler), Fabinho Oliveira (contrabaixo), Pedro Mendonça (percussão) e Pedro Yuri (violão, craviola e efeitos).

CLIQUE AQUI e confira as músicas de Patrícia Polayne.

PATRÍCIA POLAYNE
Dia 02 de setembro
Sexta, às 20h30
Auditório – 131 lugares
Duração: 75 minutos
Venda pelo sistema INGRESSOSESC, a partir de 25/08.
R$ 12,00 (inteira); R$ 6,00 (usuário inscrito no SESC e dependentes, +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino); R$ 3,00 (trabalhador no comércio de bens, serviços e turismo matriculado no SESC e dependentes).
Não recomendado para menores de 12 anos.
Acesso para pessoas com deficiências
Estacionamento: a partir de R$ 3,00

SESC Vila Mariana
Rua Pelotas, 141
Informações: 5080-3000
0800-118220
www.sescsp.org.br
Siga-nos: @sescvilamariana

http://facebook.com/sescvilamariana

Autor: - Categoria(s): Dança, Música e Cinema Tags: , , , , ,
13/05/2011 - 17:49

Damas do Samba no palco do SESC Vila Mariana

Compartilhe: Twitter

Edson Júnior, especial para o Aplauso Brasil (edson@aplausobrasil.com)

Show "Damas do Samba" Nilze Carvalho/ Foto Divulgação

Clara Nunes, Clementina de Jesus, Jovelina Pérola negra e Dona Ivone lara compositoras e interpretes do idioma chamado samba são homenageadas hoje (13), amanhã (14) e domingo (15), no palco do SESC Vila Mariana, no show Damas do Samba.

O show é uma merecida celebração à musicalidade dessas mulheres que dedicaram vida e arte ao cancioneiro popular e produziram alguns clássicos da Música Popular Brasileira que são revisitados, com novos arranjos, nas vozes e estilos inconfundíveis de outras damas. Leia mais »

Autor: - Categoria(s): Colaboradores, Dança, Música e Cinema Tags: , , , , , ,
Voltar ao topo